Escola do Parlamento encerrou 2021 com 7 cursos e mais de 100 conteúdos produzidos

 Escola do Parlamento encerrou 2021 com 7 cursos e mais de 100 conteúdos produzidos

Balanço das atividades foi apresentado por Marcos Arruda, diretor do órgão em 2021

 

A despeito das dificuldades impostas pelo segundo ano da pandemia do Covid-19, a Escola do Parlamento da Câmara Municipal de Osasco (EPO) realizou sete cursos e produziu mais de 100 conteúdos durante o ano de 2021.

Integrar os novos servidores no mês de janeiro foi a primeira dessas atividades. Com uma programação de 12 horas, divididas em cinco dias úteis, a integração desses colaboradores — ligados aos gabinetes de vereadores — contou com a participação de 12 diferentes setores da Câmara.

“Junto com o presidente Ribamar Silva, elaboramos uma programação para receber os novos integrantes da Câmara. Nossa maior preocupação era respeitar o distanciamento social e os protocolos sanitários no combate à Covid-19”, explicou Marcos Arruda, diretor da EPO durante 2021.

Treinamento Para Assessores de Gabinetes, Desafios da Gestão Remota, Lei de Diretrizes Orçamentárias, Iniciação ao Parlamento, Direito Parlamentar, Redação Legislativa e Lei de Licitações foram os temas dos cursos ministrados pela EPO.

“Nosso intuito foi prover capacitação e disseminar conhecimento para a comunidade interna e externa da Câmara, com cursos abordando aspectos diversos da atuação legislativa”, acrescentou Arruda.

Com a pandemia, a consequente necessidade de distanciamento social e o trabalho em regime de home-office pelo segundo ano seguido, o audiovisual foi uma aposta da EPO para continuar capacitando servidores, assessores e a população em geral.

“Produzimos 26 vídeos, além de áudios, slides e outros conteúdos possíveis de serem acessados online, de forma remota. Com a tecnologia, foi possível melhorar a formação dos funcionários mesmo à distância”, finalizou Arruda. Foto: Ricardo Migliorini/CMO.

Relacionados

SE INSCREVA PARA RECEBER NOTÍCIAS E BOLETINS EXCLUSIVOS