Zoonoses intensifica campanha “Osasco sem Mosquito”  

 Zoonoses intensifica campanha “Osasco sem Mosquito”  

Imagens: NCZ/SS/PMO 

Compartilhe essa matéria

A batalha contra o mosquito da dengue permanece constante em Osasco. Diariamente, os agentes de endemias do Núcleo de Controle de Zoonoses e Arboviroses (NCZ) da Secretaria de Saúde da Prefeitura realizam inspeções em residências, prédios municipais e atendem chamados do 156. Desde 21/11, uma equipe está focada no Calçadão da Rua Antônio Agú e adjacências promovendo conscientização aos transeuntes por meio da campanha “Osasco sem Mosquito”.

 

Devido às intensas chuvas nesta época do ano, propícias à proliferação do mosquito Aedes aegypti, vetor de arboviroses urbanas, toda orientação é essencial para a consolidação de dicas simples e aplicáveis ​​no cotidiano, seja em casa, no trabalho ou orientando os vizinhos.

 

As principais recomendações dos agentes incluem evitar acúmulo de água dentro e fora de casa, cobrir pneus e pratos de plantas, colocar areia nos pratinhos dos vasos, limpar e tampar caixas d’água e cisternas, manter a lixeira bem fechada, não acumular lixo e não jogar lixo em terrenos baldios, guardar garrafas de cabeça para baixo, limpar as calhas regularmente e evitar o acúmulo de água da chuva sobre a laje, além de manter tonéis, barris e piscinas tampadas, entre outras medidas.

 

“A luta contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor de dengue, Chikungunya, Zika e febre amarela, é responsabilidade de todos. Cada ação para reduzir os casos da doença e promover a prevenção é eficaz. Conseguimos reduzir significativamente a incidência quando a população contribui”, enfatiza Enoque Luz, coordenador do Núcleo de Controle de Zoonoses.

 

Essa iniciativa em Osasco também faz parte da mobilização em todo o estado de São Paulo na “Semana Estadual de Mobilização Social para Combate às Arboviroses”, que ocorrerá até 2 de dezembro, em colaboração com os municípios paulistas. O objetivo é intensificar a mobilização social, o controle vetorial e as atividades de eliminação de criadouros.

0 Reviews

Relacionados