Tarifa zero nos ônibus de Osasco mobiliza abaixo-assinado

 Tarifa zero nos ônibus de Osasco mobiliza abaixo-assinado

Créditos: Divulgação / Redes sociais João Valente

Compartilhe essa matéria

João Valente, jovem morador da cidade, levanta o debate com objetivo de despertar o posicionamento do poder público

Por Marcia Macedo

O gestor público João Valente, morador do bairro City Bussocaba, mobiliza de maneira autônoma e independente, um abaixo-assinado pela implantação do Projeto Tarifa Zero no sistema de transporte coletivo de ônibus de Osasco.

A medida já está em vigor em alguns municípios paulistas, como Vargem Grande Paulista, que lançou o programa em novembro de 2019, tornando-se a primeira cidade da Região Metropolitana de São Paulo a oferecer transporte público gratuito à população.

Segundo Valente, o tema consiste em duas medidas. A primeira seria alterar o modelo de contratação das empresas de transporte coletivo, ao invés de pagar por cada pessoa que utilizou, o pagamento passaria a ser por quilômetro rodado dos ônibus. O segundo critério seria reservar uma parte dos recursos arrecadados para criação do Fundo Municipal dos Transportes, para utilização no abatimento do preço da passagem.

“Isto teria uma genuína transformação na cobrança da tarifa, que já é uma realidade em Vargem Grande paulista e está sendo discutida em Itapevi, Barueri e outras cidades, além de existir também em cidades fora do estado de São Paulo”, ressalta.

“Em Osasco, este debate ainda não tem sido feito, por isso, tomei a frente de iniciar esta discussão e defesa deste importante projeto, que propõe a modernização de uma política pública já existente”, completa João Valente.

Para ele, os ganhos com o “Tarifa Zero” atingem diversas camadas, como a redução de gastos das empresas, principalmente, pequenas e micro; refletindo em economia para os cidadãos e também da prefeitura. Além disso, o programa disciplinaria o trânsito e traria benefícios, inclusive, ao meio ambiente, com a diminuição da quantidade da queima de combustíveis fósseis.

O abaixo-assinado do projeto Tarifa Zero em Osasco está disponível no link https://forms.gle/Ao9e2tN2BSmH5Wd97

0 Reviews

Relacionados